Atendendo às demandas da sociedade e da Reitoria, o IQSC não para, mas está reorganizado

Seguindo orientações da Reitoria, a Direção do Instituto de Química de São Carlos adotou medidas temporárias e emergenciais visando preservar ao máximo a manutenção das atividades sem, contudo, colocar a comunidade em risco, mas garantindo a segurança de todos.

Medidas adotadas

Ensino

Todas as aulas presenciais (graduação e pós-graduação) estão suspensas por tempo indeterminado, desde o dia 16 de março. Enquanto isso, estão sendo adotadas medidas para minimizar impactos nos programas de ensino. Neste sentido, os docentes foram incentivados a ministrarem atividades remotas, inclusive com aulas online em tempo real.

Extensão

Todas as atividades culturais e de extensão estão suspensas para evitar aglomerações de pessoas, e com isso aderir às instruções governamentais.

Pesquisa

Algumas atividades estão sendo feitas remotamente e outras estão suspensas, sem prejuízo. As pesquisas de longa duração que podem gerar grandes perdas e aquelas que são essenciais estão mantidas, observando-se as novas formas se trabalho abaixo descritas.

Atendimento

Todos os funcionários técnicos e administrativos ativos estão desenvolvendo suas atividades durante a jornada de trabalho, enquadrando-se em uma das seguintes categorias:

– Turno de revezamento (dias alternados) e/ou escalonamento (entrada e saída diferenciados) somente aqueles em atividades essenciais que não permitam o trabalho remoto;

– Essencialmente em domicílio, realizando trabalho remoto. Enquadram-se nessa categoria todos os servidores que possam desempenhar atividades remotas e principalmente os servidores que se enquadram ou que residem com pessoas que se enquadram nas situações abaixo:

– com 60 anos de idade ou mais;

– responsável pelos cuidados de idosos com mais de 60 anos;

– com doenças respiratórias crônicas, cardiopatias, diabetes, hipertensão ou outras afecções que deprimam o sistema imunológico;

– com filhos até 10 anos; se ambos os pais são servidores USP, apenas um deles estará dispensado do revezamento/escalonamento;

– gestantes

Para os servidores com 60 anos de idade ou mais, a permanência em seu domicílio é compulsória, não é optativa.

Também devem permanecer em domicílio os pais de filhos com previsão de nascimento em até 30 dias.

O atendimento por telefone e/ou e-mail está mantido em todos os setores, durante a jornada de trabalho.

Biblioteca institucional

Está vedado o acesso às dependências da Biblioteca do Instituto.

A devolução de obras estão sendo postergadas automaticamente, entretanto as pessoas que quiserem devolver obras, devem utilizar a Caixa de Devolução 24 horas, localizada no lado externo da biblioteca, ao lado da porta principal de entrada.

O serviço de solicitações de empréstimos entre bibliotecas está suspenso.

Cadastro no Turnitin, correções de referências para posterior elaboração de ficha catalográfica e outras informações devem ser solicitados através do e-mail bibiqsc@iqsc.usp.br

Atendimento psicológico continua sendo feito

O novo cenário frente a pandemia causada pela COVID-19, exige adaptação dos serviços de apoio psicológico que eram ofertados presencialmente, para uma lógica on-line.

O estagiário de psicologia, Hugo Cardoso, contratado pelo Instituto de Química de São Carlos (IQSC/USP) para agir no Programa Bem-Estar do Instituto, continua atuando em conjunto com o Programa Apoia USP (Apoio Psicossocial USP – São Carlos). Para atendimento, individual ou em grupo, os estagiários estão usando  plataformas de comunicação virtual como: Google Meeting, Skype, WhatsApp e Hangouts.

Além disso, alunos e trabalhadores do campus USP – São Carlos podem contar com acolhimento individual on-line.  Para agendar horário, alunos e servidores do IQSC ou de outras unidades do campus, podem enviar e-mail para iqscprosaude@usp.br declarando interesse.

Há também os Grupos de Acolhida, oferecidos em três momentos da semana, com encontros virtuais de cerca de 1h30: às 10 e às 15 horas todas as quinta-feiras, e às terças-feiras às 19 horas.  Os grupos são direcionados aos alunos da USP, sendo compostos por 2 estagiários e 8 alunos. Interessados devem preencher este formulário.

O Apoia USP está mapeando quais são as principais dificuldades e demandas geradas nesse período de isolamento, por isso convidam todos da comunidade universitária (estudantes e trabalhadores) para responder ao questionário que será utilizado para guiar as estratégias de atuação no campo da Saúde Mental nesse período.

Os interessados em outras informações podem enviar e-mail para  iqscprosaude@usp.br

Orientações sobre o coronavírus

Clicando aqui, é possível acesso  a um “Guia de prevenção sobre o coronavírus”, com informações sobre o que é o coronavírus, formas de proteção, transmissão, sintomas e procedimento em caso suspeito. Também é possível enviar dúvidas ou acessar a página do Ministério da Saúde sobre o assunto.

Pronunciamento do Diretor do IQSC

Assista, clicando aqui,  o pronunciamento do Diretor do IQSC, professor Emanuel Carrilho, em 22 de março de 2020.

Apelo à comunidade de São Carlos e região por parte dos cientistas da cidade

A comunidade científica de São Carlos, representada pela Magnífica Reitora da UFSCar; pelos Diretores da Escola de Engenharia de São Carlos, do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação, do Instituto de Física de São Carlos, do Instituto de Química de São Carlos e do Instituto de Arquitetura e Urbanismo; pelos chefes da Embrapa Instrumentação e da Embrapa Pecuária Sudeste e por pesquisadores e cientistas membros da Academia Brasileira de Ciências, vem a público manifestar a sua preocupação e posição quanto às ações referentes à prevenção e tratamento da pandemia do novo coronavírus (COVID-19), na cidade de São Carlos e região:

Considerando a gravidade desta pandemia e os riscos a toda a população e a todas as idades,

Considerando que a expansão da doença se mostra rápida e inexorável, causando morbidade e internações em massa e colocando em risco o sistema de saúde do município,

Considerando que todas as recomendações da Organização Mundial da Saúde, do Ministério da Saúde e do Governo Estadual insistem na necessidade de isolamento social e quarentena restrita de toda a população, com base em dados científicos e estatísticas disponíveis e de amplo conhecimento da comunidade cientifica,

Considerando que todos os países e regiões que não atenderam a essas recomendações, a exemplo da Itália, Espanha e Estados Unidos, estão pagando um alto preço em mortalidade, internações em massa, expansão da doença, colapso do sistema de saúde e impactos econômicos e sociais desta pandemia,

Recomenda fortemente aos governantes do Município de São Carlos manter a quarentena da população até, no mínimo, o dia 30 de abril de 2020.

A comunidade cientifica está ciente e consciente do impacto econômico dessas medidas de restrição. Entretanto, a ampla expansão da doença decorrente e a perda de vidas, que certamente virão como resultado de uma precoce abertura total do comércio e consequente mobilidade da população, causarão prejuízos econômicos e sociais de ainda maior monta, no longo prazo, do que os prejuízos decorrentes da adoção da quarentena restrita. Entendemos que, neste momento, é fundamental acatar as recomendações que têm forte embasamento científico.

A ciência e os cientistas sempre trabalharam pela cidade, não apenas elevando seu nome em todos os locais do mundo, mas provendo tecnologias que alimentam as empresas e contribuem para a vitalidade econômica do município.

Continuaremos dispostos a ser úteis para a cidade e trabalhar ainda mais intensamente, se necessário for, em prol de alavancar a economia e nosso comércio. Porém, neste momento, temos que estar juntos para proteger aqueles que serão a grande força, após o término desta situação: os cidadãos de São Carlos.

São Carlos, 31 de março de 2020.

Pelos cientistas e pesquisadores de São Carlos:

Profa. Dra. Wanda Hoffmann, Reitora da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)
Profa. Dra. Yvonne Primerano Mascarenhas, Ex-diretora do Instituto de Física de São Carlos (IFSC-USP)
Profa. Dra. Maria Cristina Ferreira de Oliveira, Diretora do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC-USP)
Prof. Dr. Vanderlei Salvador Bagnato, Diretor do Instituto de Física de São Carlos (IFSC-USP)
Prof. Dr. Edson Cezar Wendland, Diretor da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC-USP)
Prof. Dr. Emanuel Carrilho, Diretor do Instituto de Química de São Carlos (IQSC-USP)
Prof. Dr. Miguel Antônio Buzzar, Diretor do Instituto de Arquitetura e Urbanismo (IAU-USP)
Prof. Dr. Glaucius Oliva, Professor Titular do Instituto de Física de São Carlos (IFSC) e ex-presidente do CNPq;
Dr. João de Mendonça Naime, Chefe Geral Embrapa Instrumentação (São Carlos)
Dr. Rui Machado, Chefe Geral Embrapa Pecuária Sudeste (São Carlos)
Dr. Sílvio Crestana, Pesquisador Embrapa Instrumentação e Ex-Presidente da Embrapa – Brasil
Prof. Dr. Sergio Paulo Campana Filho, Prefeito do Campus USP de São Carlos (PUSPSC-USP)
Dr. José Galizia Tundisi, Professor Titular Aposentado da EESC-USP, Presidente do Instituto Internacional de Ecologia e Ex-presidente do CNPq

texto: Sandra Zambon (Comunicação IQSC), com informações da Diretoria do IQSC

Foto: Fachada do IQSC. Autor: Henrique Fontes (IQSC)

Imagens: Pixabay CCO com adaptação

Publicado em 23/3/2020, 10h30
Atualizado em 25/3/2020, 10h30
Atualizado em 02/4/2020, 11h40
Atualizado em 22/4/2020, 14h

Notícia cadastrada por Sandra Zambon
O conteúdo da notícia é de inteira responsabilidade do autor.