USP e CAPES assinam protocolo de cooperação

Presidente da CAPES e Reitor da USP assinam protocolo de reorganização da oferta de pós-graduação (Foto: divulgação)

Nesta quarta-feira, 12, a CAPES e a Universidade de São Paulo (USP) celebraram um protocolo para reorganizar a oferta de cursos de pós-graduação stricto sensu na instituição. Abílio Baeta, Presidente da CAPES e Vahan Agopyan, Reitor da USP, assinaram o acordo que prevê a preparação de um cronograma para a implementação das mudanças a partir de hoje, data da assinatura.

Entre os aspectos destacados no documento está o compromisso da CAPES em fortalecer a capacidade de pesquisa e inovação assim como a melhoria do potencial humano e material, promover a interdisciplinaridade das áreas, garantir a modernização e flexibilização da pós-graduação, atender a diversidade da demanda de modo a garantir os resultados para a sociedade.

A cooperação inclui ainda o dever da CAPES de combater a “excessiva e arbitrária fragmentação das oportunidades de formação e organização da pesquisa que resulta na multiplicação de programas pequenos e redundantes”.

Pelo texto do documento, as instituições acordaram também que o mestrado acadêmico passa a ser entendido, prioritariamente como etapa de qualificação para o doutorado e sua duração deverá ser reduzida. Por outro lado, o doutorado poderá ter seu tempo de conclusão expandido para além dos quatro anos regulares.

Por CCS/CAPES

Veja também: https://jornal.usp.br/institucional/usp-e-capes-assinam-protocolo-para-reorganizar-a-pos-graduacao-da-universidade/

Notícia cadastrada por Sandra Aparecida Zambon da Silva
O conteúdo da notícia é de inteira responsabilidade do autor.