Acoplamento de técnicas eletroquímicas e espectroscópicas

Acontece nesta quinta-feira, 12 de julho, às 10 horas, no anfiteatro A do Instituto de Química de São Carlos (IQSC) da USP, seminário proferido por Pollyana Ferreira da Silva Vianna, que mostrará a importância e a aplicabilidade do acoplamento das diferentes técnicas espectroscópicas com sistemas eletroquímicos.

“Estudos de eletrocatálise e corrosão, desenvolvimento de sensores, biossensores e células combustíveis são algumas das diversas área de pesquisa da eletroquímica. Análises eletroquímicas fornecem informações cinéticas e termodinâmicas dos sistemas estudados, entretanto não fornecem informações estruturais das espécies em solução. Daí a necessidade de acoplá-las com técnicas espectroscópicas”, explica a palestrante.

Pollyana é Mestre em Química Analítica e desenvolve seu doutorado no IQSC-USP sob orientação do doutor Luiz Alberto Colnago, a Embrapa Instrumentação. Atua principalmente nos seguintes temas: células combustíveis, oxidação de etanol, palladium catalysts, ceria oxide, eletrocátalise e comparação estatística de métodos analíticos, acoplamento de técnicas, acoplamento EQ-RMN, EC-NMR.

Endereço: Av. Trabalhador São-carlense, 400 – área 1
Contato: (16) 3373-9909

Por Sandra Zambon (Comunicação IQSC) e Pollyana Vianna (IQSC)
Foto: Hans Braxmeier/Pixabay CC0

 

Notícia cadastrada por Sandra Aparecida Zambon da Silva
O conteúdo da notícia é de inteira responsabilidade do autor.